segunda-feira, 10 de maio de 2010

Vivendo a vida - Osmar Dargel Pereira

Durante a vida devemos viver e mudar, sem pressa.
É a adaptação do sonho à realidade. E da realidade à criatividade.
Todas as pessoas têm conflitos desde que nascem.
Resolvê-los pacientemente faz parte da vida.
Como um passatempo.
Eis alguns conselhos para você, que quer viver feliz:

Na vida é assim: a gente evolui sempre.
Não se deve travar essa evolução;Não devemos fazer as coisas girarem em torno de nós.
Cada coisa tem seu curso;Não sejamos radicais.
Não queiramos ser tão certinhos. Relaxemos;O mundo e as pessoas nem sempre são como nós queremos. Esquecer isso pode desgastar-nos. O aceite como são e viva feliz.

A felicidade não existe.
Nós fazemos nossa vida melhor ou pior; isso é ser feliz. Não conteste seriamente.
Não vale a pena bater o pé diante de cada fato. Uma discussão revela nosso lado mais feio.
Preservemos nossa beleza, nossa boa imagem. Quem ganha uma discussão perde um amigo.
Quando passamos dos limites, nos revelamos e, assim, expomos nossas fraquezas, que delas se aproveitam os fortes e os expertos.
Existem seis bilhões de pessoas no mundo e 99,9% vivem e deixam viver.
Faça o mesmo. Viva e não se importe se as pessoas não se importam com você.
E faça o mesmo se elas se importam com você.
Fuja de brigas e conflitos. Eles trazem dor e sofrimento, de graça.
Ame a vida, a família, os amigos, os animais e a você própria.
Não discorde seriamente. Aceite as boas idéias. Esqueça as outras.
Sejamos bons com todos, preferencialmente, com quem merece.
Não esperemos que todos sejam bons conosco. Há uma máxima que diz: Faça o bem sem olhar a quem. Leve a vida de tal forma que nada prejudique tua saúde.
Faça o que for possível para melhorá-la.
Lembre-se de que a boa alimentação, os exercícios físicos e mentais e a paz interior fazem bem à saúde.
Se você não puder por em prática todos estes preceitos, não se exaspere:
A vida é uma permanente escola que ensina sempre, todos os dias. Quando se der conta, você já estará praticando regras de bom viver.Os animais não sabem que um dia morrerão. Observe um cão ou um gato. Eles vivem bem. Sem receios, sem estresse.
Jogue as mágoas no lixo, pois elas são tão abundantes por aí, que não têm o mínimo valor.
Não precisamos pensar na morte, pois ela virá um dia com certeza.
Façamos como os animais, vivamos a vida.
Por isso, trate todos com bondade e amor.
Zele por toda tua família. Faça com que sintam orgulho de você.
Ao invés de pensar na velhice, pense no futuro. O passado já foi.
Bom ou mal não importa, nada mais pode mudá-lo. O futuro está além de nossa visualização.
Sem perder de vista o passado, evitando más surpresas no futuro, viva bem e intensamente o presente.

Autor: Osmar Dargel Pereira

Nenhum comentário: