terça-feira, 12 de julho de 2011

Que seja um Efeito bumerangue!


É difícil crescer. Mas é mesmo necessário?
Espero que cada dia a vida me proporcione mais maturidade, mas que nunca retire de mim a minha parte criança da alma.
É bom saber que as coisas somem de nossas vistas - não espero ser entendida - é melhor ainda que quando tudo volte e retorne ao seu velho canto, as diferenças não sejam o bastante pra acabar com o que ainda nos chamávamos atenção, e nos faziam amar algo ou alguém!
Volte diferente, mas não diferente o bastante para que eu não te reconheça.

Um comentário:

Anne disse...

Lindo,adorei :)