sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Tudo sobre amor e perda - Leoni


No seu armário, as roupas que ela não te deu
E a confiança que ela não te devolveu.
Trocou de sonhos, como se não fossem seus,
E tem em troca os truques novos que aprendeu.
Você tropeça em tudo que ela não deixou.
Vê da janela o sono que ela te roubou.
Mas me garante, nunca vai guardar rancor,
Guardou foi ódio, que às vezes dura mais que amor.
Tudo sobre amor e perda , você falou
Que só deseja que ela aprenda, o que ela te ensinou
Tudo sobre amor e perda, você falou
Que só deseja que ela aprenda, Tudo sobre amor e perda
Um brilho quase trágico naquele olhar
Era um milhão de alarmes pra te avisar,
Deixava muito claro que ia precisar
Ser corajoso ou estúpido demais pra amar.
Você conhece cada frase
De tudo que ela vai dizer.
E como a gente perde o rumo
Se a gente só quer se perder.
Quem sabe onde ela anda agora?
Com quem vai repetir você?
Quem sabe quem lhe abre as portas?
Para quem vai fingir prazer?

quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Salmos 85:13

"A justiça irá adiante dele, cujas pegadas ela transforma em caminhos."

Não há razão - Dida e Riane

Não encontro explicação.
Não entendo o porquê,
Como pode um pecador
Receber a graça que vem de Deus.
Mesmo sem merecer
Sinto as bençãos em meu viver!
Eu não vejo a razão
Porque Deus me ama assim.
O meu coração é duro,
Sou Escravo, não sou ninguém.
Não consigo entender
O porquê do seu amor,
Mesmo sendo quem eu sou Ele me ama
Estende as Suas mãos, dá proteção
Ele me abraça
Não há razão.
Não encontro explicação,
Não entendo o porquê.
Minhas decisões, meu ser
Sempre ferem as vontades de Deus.
Mesmo sem merecer
Sinto as bençãos em meu viver!
Quando fraco eu me sentir,
Eu sei que Deus
Me enviará sua força e poder.
E até mesmo que hesite a minha fé
O meu Deus nunca irá me abandonar!

* foto da minha formatura, com Edimilson

Tubarão de piscinês!

Boa tarde blogueiros!
Venho trazer uma novidade, um blog que esta iniciando agora... Mas que desde já quero recomendar:

Quer entender o titulo da postagem leiam o blog!
Já na primeira postagem um pouco de realidade e descontração, modesto demais em dizer que não sabe escrever e um desenho que ele fez, que significa muito para mim.
Blog De Jefferson, aposto vão gostar!

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Salmos 84:9-12

"Senhor, Deus dos Exércitos, escuta-me a oração; presta ouvidos, ó Deus de Jacó!
Olha, ó Deus, escudo nosso, e contempla o rosto do teu ungido.
Pois um dia nos teus átrios vale mais que mil; prefiro estar à porta da casa do meu Deus, a permanecer nas tendas da perversidade.
Porque o Senhor Deus é sol e escudo; o Senhor dá graça e glória; nenhum bem sonega aos que andam retamente.
Ó Senhor dos Exércitos, feliz o homem que em ti confia."

domingo, 8 de janeiro de 2012

Salmos 49:16-20

" Não temas, quando alguém se enriquecer, quando avultar a glória de sua casa; pois, em morrendo, nada levará consigo, a sua glória não o acompanhará. Ainda que durante a vida ele se tenha lisonjeado, e ainda que o louvem quando faz o bem a si mesmo, irá ter com a geração de seus pais, os quais não verão a luz. O homem, revestido de honrarias, mas sem entendimento, é, antes, como os animais, que perecem. "

sábado, 7 de janeiro de 2012

Salmos 44:22

" Mas, por amor de ti, somos entregues à morte continuamente, somos considerados como ovelhas para o matadouro. "

Salmos 23:6



" Bondade e misericórdia certamente me seguirão todos os dias da minha vida; 
e habitarei na casa do Senhor para todo o sempre. " 

Salmos 23:1

" O Senhor é o meu pastor; nada me faltará "

Eram aproximadamente 22:00 horas quando um jovem começou a se dirigir para casa.
Sentado no seu carro, ele começou a pedir:
- 'Deus! Se ainda falas com as pessoas, fale comigo. Eu irei ouvi-lo. Farei tudo para obedecê-lo'
Enquanto dirigia pela rua principal da cidade, ele teve um pensamento muito estranho:
- 'Pare e compre um galão de leite'.
Ele balançou a cabeça e falou alto:
- 'Deus? É o Senhor?'.
Ele não obteve resposta e continuou dirigindo-se para casa.
Porém, novamente, surgiu o pensamento:
- 'Compre um galão de leite'.
'Muito bem, Deus! No caso de ser o Senhor, eu comprarei o leite'.
Isso não parece ser um teste de obediência muito difícil...
Ele poderia também usar o leite.
O jovem parou, comprou o leite e reiniciou o caminho de casa.
Quando ele passava pela sétima rua, novamente ele sentiu um pedido:
- 'Vire naquela rua'.
Isso é loucura...
- pensou
- e, passou direto pelo retorno.
Novamente ele sentiu que deveria ter virado na sétima rua.
No retorno seguinte, ele virou e dirigiu-se pela sétima rua.
Meio brincalhão ele falou alto
- 'Muito bem, Deus. Eu farei'.
Ele passou por algumas quadras quando de repente sentiu que devia parar.
Ele brecou e olhou em volta.
Era uma área mista de comércio e residência.
Não era a melhor área, mas também não era a pior da vizinhança.
Os estabelecimentos estavam fechados e a maioria das casas estavam
escuras, como se as pessoas já tivessem ido dormir, exceto uma do outro 
lado que estava acesa.
Novamente, ele sentiu algo:
- 'Vá e dê o leite para as pessoas que estão naquela casa do outro lado da rua'.
O jovem olhou a casa.
Ele começou a abrir a porta mas voltou a sentar-se. -' Senhor, isso é loucura. 
Como posso ir para uma casa estranha no meio da noite?'.
Mais uma vez, ele sentiu que deveria ir e dar o leite. Finalmente, ele abriu a porta... 
- ' Muito Bem, Deus, se é o Senhor, eu irei e entregarei o leite àquelas pessoas. 
Se o Senhor quer que eu pareça uma pessoa louca, muito bem. 
Eu quero ser obediente. 
Acho que isso vai contar para alguma coisa, contudo, se eles não responderem
imediatamente, eu vou embora daqui'.
Ele atravessou a rua e tocou a campainha.
Ele pôde ouvir um barulho vindo de dentro, parecido com o choro de uma criança.
A voz de um homem soou alto:
- 'Quem está aí? O que você quer?'
A porta abriu-se antes que o jovem pudesse fugir.
Em pé, estava um homem vestido de jeans e camiseta.
Ele tinha um olhar estranho e não parecia feliz em ver um desconhecido em pé
na sua soleira.
- 'O que é?'.
O jovem entregou-lhe o galão de leite.
- 'Comprei isto para vocês'.
O homem pegou o leite e correu para dentro falando alto.
Depois, uma mulher passou pelo corredor carregando o leite e foi para a cozinha.
O homem a seguia segurando nos braços uma criança que chorava.
Lágrimas corriam pela face do homem e, ele começou a falar, meio soluçando:
- 'Nós oramos.
Tínhamos muitas contas para pagar este mês e o nosso dinheiro havia acabado..
Não tínhamos mais leite para o nosso bebê.
Apenas orei e pedi a Deus que me mostrasse uma maneira de conseguir leite.
Sua esposa gritou lá da cozinha:
- 'Pedi a Deus para mandar um anjo com um pouco de leite...
Você é um anjo?'
O jovem pegou a sua carteira e tirou todo dinheiro que havia nela e
colocou-o na mão do homem. 
Ele voltou-se e foi para o carro, enquanto as lágrimas corriam pela sua face.
Ele teve certeza que Deus ainda responde aos VERDADEIROS pedidos.

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Lógica - Grupo mensagem

Olá pessoal, ia postar a letra de uma música mas não encontrei na net. Então ou eu digitava, ou postava o link do vídeo, então decidi colocar o link pra vocês assistirem e digamos que é bem mais interessante!
Vejam:

Muito linda, assistam!